RADIO CLAMOR URGENTE

Carregando Carregando player...

Principal RADIO PASTOR LOURIVAL PASTOR DARIO BÍBLIA
Dabasan Informática - Tudo para seu micro - Fones: - (65) 98163-0823 - 98409-3647 - 99242-5604 e 99944-3446 - E-mail: dabasan@hotmail.com


   NOMES BÍBLICOS e seus Significados




TEMPO PARA TODAS AS COISAS

Lição 13 - Vivendo para a Glória de Deus

Classe: Adolescentes
Trimestre: 3° de 2017
Revista: do Professor
Data da Lição: 24/09/2017
Editora: CPAD

TEXTO BÍBLICO

1Coríntios 10.31,32

DESTAQUE

"Portanto, quando vocês comem, ou bebem, ou fazem qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus" (1Co 10.31).

LEITURA DEVOCIONAL

   SEGUNDA FEIRA 1Co 10.31
   TERÇA FEIRA Is 40.5
   QUARTA FEIRA Jo 17.4
   QUINTA FEIRA Ef 4.29
   SEXTA FEIRA Mt 7.16-20
   SÁBADO 1Co 10.23
   DOMINGO Tg 3.6

OBJETIVOS

* Conscientizar de quê devemos viver a liberdade cristã para a glória de Deus.
* Mostrar que devemos glorificara Deus com as nossas palavras.
* Fazê-los compreender que devemos glorificar a Deus com as nossas atitudes.

MATERIAL DIDÁTICO

Para a aula de hoje, você precisará de um rolo de barbante, giz e quadro de giz. Para a atividade sugerida no tópico II, serão necessárias folhas de papel ofício.

QUEBRANDO A ROTINA

Professor, para a última aula do trimestre, sugerimos que seja feita uma dinâmica de avaliação antes da introdução da aula. Peça aos alunos que fiquem todos de pé em círculo. Pegue o rolo de barbante que você já providenciou. Entregue o rolo a um aluno. Explique que ele deve segurar a ponta do barbante e dizer os pontos positivos e os negativos do trimestre. A medida que forem falando, vá anotando no quadro de giz. Depois, peça que ele jogue o rolo para outro colega. O aluno que agarrar o rolo, segura o barbante e diz também os pontos negativos e positivos da trimestre. Em seguida, joga para o próximo aluno e assim sucessivamente. Ao final, será formada uma grande "teia", um emaranhado. Mostre aos alunos e discuta pontos positivos e negativos que-foram apontados. Para concluir, pergunte o que poderia ser feito para corrigir os pontos negativos

ESTUDANDO A BÍBLIA

Prezado professor, com a graça de Deus, chegamos ao final de mais um trimestre. Nesta última lição, estudaremos a respeito do viver em sociedade para a glória de Deus. Que o alvo da sua vida e do seu ministério seja agradar a Deus e promover a sua glória neste mundo tenebroso. Para podermos viver de forma a agradar ao Todo-Poderoso, precisamos ter uma vida de comunhão com Ele. Necessitamos estar em sua presença diariamente, aprendendo de sua Palavra todos os dias. O profeta Oseias nos exorta a conhecermos e prosseguirmos em conhecer ao Senhor (Os 6.3). Este texto nos fala de um conhecimento mais íntimo de Deus. Atualmente, muitos conhecem ao Senhor, mas de forma superficial, de apenas ouvir falar. Contudo, para glorificarmos a Deus em toda a nossa maneira de viver, necessitamos conhecer ao Senhor de forma mais íntima e pessoal. Prossiga em conhecer ao Senhor, glorificando e exaltando seu nome em toda a sua maneira de viver e falar.

VIVENDO A LIBERDADE CRISTÃ PARA A GLÓRIA DE DEUS

O apóstolo Paulo, escrevendo aos coríntios, ensina aos irmãos - e a nós - uma importante lição: quer no comer, quer no beber, e em tudo que fizermos, nosso alvo deve ser a glória de Deus. Como crentes, nosso propósito neste mundo é agradar ao Pai Celeste e glorificar seu nome. O Senhor Jesus Cristo nos libertou do jugo do pecado. Hoje, somos livres, mas em nossa liberdade não podemos ofender a ninguém, isto é, "nem aos judeus, nem aos gregos, nem à igreja de Deus" (l Co 10.32). A Palavra de Deus nos ensina que todas as coisas nos são lícitas, mas nem todas convém (1Co 6.12). Você é livre, mas saiba que suas atitudes terão consequências. É preciso pensar antes de agir e de falar para não entristecer nossos irmãos. Se amamos a Jesus, precisamos demonstrar este amor em nossa maneira de falar e agir. É necessário que o amor seja visto em nossas atitudes. Você deseja glorificar a Deus com o seu modo de falar e agir?

AUXILIO DIDÁTICO 1

Professor, qual deve ser o alvo do crente? Explique aos alunos que "o objetivo principal da vida do crente é agradar a Deus e promover sua glória. Sendo assim, aquilo que não pode ser feito para a glória (isto é, em sua honra e ações de graças como nosso Senhor, Criador e Redentor) não deve ser feito de modo nenhum. Honramos a Deus mediante nossa obediência, ações de graças, confiança, oração, fé e lealdade a Ele. Viver para a glória de Deus deve ser uma norma fundamental em nossa vida, o alvo da nossa conduta, e teste das nossas ações" (Bíblia de Estudo Pentecostal. Rio de janeiro: CPAD, p. 1751).

Glorificando a Deus com nossas palavras
De todos os seres criados pelo Todo-Poderoso, o ser humano é o único que possui um aparelho fonador. Logo, podemos afirmar que a fala é um dom divino que nos distingue. £ algo realmente especial que pode ser usado, tanto para o bem como para o mal. Tiago compara a língua a um fogo devastador (Tg 3.6). Pois uma pequena fagulha pode queimar e destruir uma floresta inteira. Ele ainda afirma que "nenhum homem pode domar a língua" (Tg 3.8). Com a nossa língua podemos bendizer a Deus e maldizer o próximo. Ter o controle da língua não é fácil, mas também não é impossível para o crente. Quem consegue controlar a língua, controla todo o seu ser e pode viver para a glória de Deus.

Você sabia que a nossa maneira de falar nos identifica? Sim, a nossa fala acaba revelando o nosso verdadeiro "eu", pois a boca fala do que o coração está cheio (Mt 12.34). É do coração, ou seja, do íntimo do ser humano, que procedem os males. Certa vez, Pedro foi identificado como alguém que esteve com Jesus somente pelo seu linguajar (Mt 26.73). Sua fala evidencia que você é um cristão? Deus é glorificado por intermédio de suas palavras? Nossa linguagem deve ser saudável e irrepreensível: "Use palavras certas, para que ninguém possa criticá-lo e para que os inimigos fiquem envergonhados por não terem nada de mau a dizer a nosso respeito" (Tt 2.8).

Muito se falou a respeito do poder das palavras e não faltou heresias. Sabemos que nossas palavras não têm poder em si mesmas. Mesmo assim, não podemos sair por aí falando o que nos vem à cabeça, pois nossas palavras afetam o nosso próximo de forma positiva ou negativa. Jesus ensinou que, no Dia do Juízo, todos terão que dar conta diante de Deus por suas palavras (Mt 12.36). Então, pense bem antes de falar!
Quer aprender a guardar sua língua do mal e glorificar o nome do Senhor? Então leia e estude o livro de Provérbios, pois nele podemos encontrar ensinamentos preciosos a respeito do uso da língua. Um destes ensinos é a respeito do ser moderado no falar (Pv 21.23). Você fala demais? Então, tome cuidado! Quem fala em demasia prejudica o outro e a si próprio (Pv 13.3). Vários Provérbios tratam a respeito da língua mentirosa e da calúnia (Pv 6.17). A difamação, em especial nos blogs e nas redes sociais, tem feito muitas vítimas. A calunia é devastadora e consegue separar até os amigos mais íntimos (Pv 16.28). O Diabo é o pai da mentira (Jo 8.44) e toda mentira e engano procedem dele. Muitos usam sua língua para fazer fofoca, caluniaras outros ou distorce r a verdade. Saiba que Deus abomina a língua mentirosa (Pv 6.17).
AUXILIO DIDÁTICO 2

Professor, converse com seus alunos e explique que Deus nos concedeu a capacidade de falar e de nos comunicar. Isso é maravilhoso! Ainda assim, temos que saber usar as palavras, pois elas podem tanto abençoar como destruir. Segundo Provérbios 18.21, "a morte e a vida estão no poder da língua". Logo após, distribua a folha de papel para os alunos. Explique que a língua é um pequeno órgão do nosso corpo, porém repleto de força e perigo. Enfatize que Tiago 3.6 fala sobre o poder devastador da língua, comparando-a a um fogo que tanto aquece, como também fere, mata e destrói. Em seguida, peça aos alunos que amassem a folha e, depois de amassada, peça que tentem desamassá-la. Pergunte se é possível que a folha volte a ficar como antes. Diga que assim são as palavras quando pronunciadas e que não temos como voltar atrás. Por isso, precisamos pensar bem antes de falar. Muitos hoje estão como a folha de papel amassados, feridos, isto porque alguém não utilizou a sua língua como instrumento de bênção para a glória de Deus. Conclua e ore para que possamos domar a nossa língua e sempre utilizá-la para conforto e edificação de todos aqueles que nos ouvem.

Recapitulando

A vida é curta, e é por isso que precisamos viver de modo sábio, glorificando a Deus com nossas palavras e atitudes. Que você possa viver todas as fases da sua vida em comunhão com Deus e sempre desejoso de agradá-lo em tudo. Faça a diferença em nossa sociedade, vivendo única e exclusivamente para a glória do Senhor.

Refletindo

1. Você vive para a glória de Deus?
R- Resposta pessoal
.
2. Como você tem usado a sua língua?
R- Resposta pessoal
.
3. Você está estimulado a fazer a diferença na sociedade?
R- Resposta pessoal
.

Fonte: CPAD - Casa Publicadora das Assembléias de Deus


HOME          PORTAL